Esmaltes com essa substância aumentam o risco de diabetes!

Quando uma mulher ia ao salão fazer as unhas, a única coisa com que se preocupa é com a cor do esmalte e o estilo da decoração que vai fazer, mas agora também precisa se preocupar em não ficar doente, pois esmaltes causam diabetes.

vários vidros de esmalte de core diferente abertos
Imagem: Freepik

Os males da beleza

Cada vez mais ficamos cientes que muitos produtos que consumimos podem acabar nos adoecendo, por ter sido produzido de forma irregular, ou por conter componentes de baixa qualidade, ou ainda simplesmente porque sua composição tem químicos prejudiciais.

O setor de beleza vem evoluindo muito nas últimas décadas, no entanto essa evolução também potencializou as chances de produtos como o esmalte causar alergias ou até problemas mais graves a algumas pessoas.

Os órgãos competentes cada vez mais tem precisado notificar empresas sobre uso de substâncias nocivas em seus produtos, para que sejam retirados, e mesmo assim, ainda descobrimos que aquele produto que usamos em nome da beleza pode até nos matar.

mulher abre vidro de esmalte na cor vermelha
Imagem: Freepik

Esmaltes causam diabetes

Uma das últimas revelações assustadoras, sobre produtos de beleza que podem deixar as pessoas doentes foi a descoberta de que mulheres podem ficar doentes ao pintar as unhas, pois esmaltes causam diabetes.

Sim, de acordo uma pesquisa publicada no Journal of Clinical Endocrinology e Metabolism, os esmaltes para unhas podem ter substâncias químicas tóxicas, que aumentam as chances de mulheres desenvolverem diabetes tipo 2.

Segundo a publicação, a revelação é resultado de um estudo desenvolvido por cientistas da Universidade de Michigan, que testaram 1,3 mil mulheres que não tinham diabetes comprovadamente, de acordo com uma pesquisa anterior.

em alta

Unhas Encapsuladas 2024

Como funciona? Tutoriais e Fotos.
Acessar!
Você permanecerá no site atual

Os cientistas analisaram as participantes, e por meio de exames de urina, identificaram a presença de um composto químico chamado ftalatos, que costuma ser encontrado em produtos cosméticos, que tem a capacidade de amolecer plásticos rígidos.

Os exames apontaram não só a presença de 11 tipos de ftalatos, como também do composto Di-2-etilhexil, mais comumente encontrado em brinquedos e embalagens plásticas de alimentos, que também é altamente nocivo.

Ao fim do estudo, após considerar fatores como e estilo de vida e condições de saúde das mulheres, foi identificado que 5% das participantes desenvolveram diabetes tipo 2.

vidros de esmalte nas cores laranja, verde e azull abertos com liquido derramado em seu entorno
Imagem: Freepik

Causa provável mas não certeira

Os cientistas apontaram que a doença provavelmente foi causada por estes componentes químicos conseguirem interromper o fornecimento dos hormônios insulina e glucagon no corpo, desregulando assim a quantidade de açúcar no sangue e provocando resistência à insulina nas células.

Ambos os compostos tóxicos também são capazes de penetrar na pele das pessoas que os consomem, chegando a danificar órgãos importantes como pulmões, fígado, e rins.

Apesar de suas conclusões fundamentadas pelos testes realizados, os cientistas destacaram que precisam se aprofundar no estudo, pois a doença também pode ter sido influenciada por dieta, obesidade e privação de sono das participantes.

mais acessados!

Ideias de unhas decoradas da Barbie que vão fazer sucesso até 2024

Conferir
Você permanecerá no site atual

Componentes nocivos encontrados em produtos de beleza

Os dois compostos tóxicos encontrados no teste não são os únicos a representar grande perigo para mulheres que utilizam produtos de beleza, veja alguns outros componentes nocivos presentes neste tipo de produto:

  • Formol: nocivo para pele e cabelo, e principalmente para o organismo, pode causar câncer;
  • Parabenos: interferem nos hormônios do ser humano, podendo também causar câncer;
  • Etoxilado: prejudica a defesa natural da pele, e podem ter contaminação de agentes cancerígenos.
mulher pinta as unhas
Imagem: Freepik

Como evitar esmaltes que causam diabetes?

Como diz o ditado: é melhor prevenir do que remediar, então, mesmo diante de uma certa incerteza por parte dos cientistas, de que foram mesmo cosméticos como os esmaltes que fizeram as mulheres desenvolverem diabetes, é bom evitar o que tiverem os componentes nocivos identificados.

Para isso você só precisa dar uma conferidinha no rótulo do seu esmalte antes de comprar, verificando na composição dele se constam ftalatos e/ou Di-2-etilhexil.

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Luiza Fonseca
Luiza é redatora especialista em Design de Unhas e produtora de conteúdo desde 2014 onde começou a sua paixão pelo universo da beleza. Com o seu conhecimento e experiência, traz para o portal Unhas Decoradas 2024, dicas e novas tendências para todas as nossas seguidoras..